Nossa Cidade

Sep 7, 2013 7:55:00 PM

Lazer para as famílias e ações inovadoras

Secretaria de Turismo e Lazer faz balanço de 06 meses de gestão


Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR

Em seis meses de gestão, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Turismo e Lazer do Recife, já implantou alguns projetos que mudaram a cara da cidade, despertando a população para novas formas de entretenimento. A Ciclofaixa de Turismo e Lazer e o Recife Antigo de Coração vêm fazendo sucesso entre as famílias, que estão aproveitando a cidade ao ar livre nos domingos e feriados.

A adesão já é imensa, mesmo com os dois projetos com apenas três meses de operação, pois os dois foram lançados no dia 24 de março. “É muito gratificante ver quantas famílias recifenses estão curtindo a cidade, descobrindo o Recife. Estamos em contato constante com a população, ouvindo as críticas e sugestões, tentando sempre aperfeiçoar nossas ações. Agora no mês de julho vamos lançar a terceira rota da Ciclofaixa”, afirma o secretário de Turismo e Lazer do Recife, Felipe Carreras.

Ciclofaixa de Turismo e Lazer

Além do lazer em família, a Ciclofaixa tem despertado a conscientização do papel da bicicleta no trânsito. “Quem passa a semana toda andando de carro e pega a bicicleta para curtir a Ciclofaixa, além da oportunidade que está tendo de ver a cidade por outros ângulos, começa a ver o ciclista de forma mais respeitosa no trânsito”, diz Carreras. Para conscientizar ainda mais o ciclista, a Secretaria de Turismo e Lazer lançou uma campanha educativa, para que a população também saiba utilizar, da melhor forma, as rotas da Ciclofaixa. Milhares de cartilhas educativas já foram distribuídas nos três pontos de aluguel de bicicletas (Parque da Jaqueira, Recife Antigo e Parque Dona Lindu).

Como parte das ações educativas, foram sorteadas várias camisas da Ciclofaixa, através das redes sociais do projeto. Na frente, estampada a marca do projeto. Nas costas, frases educativas, como “Respeite a faixa de pedestres”, “A Ciclofaixa é mão dupla. Respeite”, “A pé, só se for acompanhando uma criança”, “Respeite os iniciantes e crianças”, “Respeite a velocidade na Ciclofaixa” e “Use equipamentos de segurança”. Para o secretário, a nova rotina aos domingos e feriados exige uma mudança de mentalidade, mas a semente plantada, da conscientização sobre o papel da bicicleta, vai render bons frutos à sociedade.

Recife Antigo de Coração

Além de ser o ponto de convergência das rotas da Ciclofaixa, o Marco Zero, no Recife Antigo, também vem ganhando mais importância para o recifense como ponto de lazer. O projeto Recife Antigo de Coração, que vem sendo realizado no último domingo de cada mês, será ampliado para funcionar todos os domingos a partir de setembro. A ação promove a abertura do Bairro do Recife para a população, restringindo a entrada de veículos em algumas ruas. A população conta com 620 vagas de estacionamento grátis, na Prefeitura do Recife, além de quatro vans que realizam o translado de forma gratuita até as ruas onde acontecem as atrações de lazer.

O formato do projeto divide as atividades em três polos: infantil, cultural e esportivo. Uma das ações que vem ganhando destaque no Recife Antigo de Coração é a volta do Dançando na Rua, com orquestras e dançarinos fazendo apresentações e convidando a população para dançar bolero, suingue, samba, salsa, merengue, tango, entre outros ritmos. O projeto Dançando na Rua foi sucesso na década de 90. O Recife Antigo de Coração também já promoveu uma exposição das fotos do perfil no Instagram, @euamorecife, no qual os usuários compartilham fotos tiradas na cidade. A exposição foi feita por uma hidrotela, uma cascata de água de 7,5×12 metros, montada no Canal do Porto do Recife.

Sensibilização Turística

Outra ação que coloca o recifense mais em contato com a cidade é a Sensibilização Turística. O projeto tem como objetivo mobilizar a sociedade para conhecer a cidade através de passeios de ônibus e, também, roteiros a pé. “Dessa forma, queremos promover novas ideias e posturas sociais, para tornar o cidadão uma pessoa mais consciente de sua história e cultura. Ao participar do projeto, o recifense conhece melhor sua cidade e, consequentemente, também recebe melhor o turista” comenta Carreras.

Os roteiros são realizados aos sábados, com as inscrições sempre nas manhãs das sextas-feiras. A procura é tanta que o mesmo roteiro é realizado dois sábados seguidos, já que as vagas são preenchidas rapidamente. Até agora, o projeto já apresentou roteiros que mostram as influências holandesa, judaica, bem como o circuito dos poetas, entre outros.

Turismo de Base Comunitária

Outra questão importante é o papel das comunidades na cadeia produtiva do setor. Tendência mundial do mercado de turismo, o turismo de base comunitária vai ganhar mais força na Bomba do Hemetério. A Prefeitura do Recife, através da Secretaria de Turismo e Lazer, vai promover ações para intensificar a identidade cultural e turística da comunidade. O secretário Felipe Carreras esteve, no fim de maio, na comunidade e anunciou, aos moradores, a construção do Centro Cultural Seu Hemetério, a implantação de um Centro de Atendimento ao Turista (CAT) e a qualificação de idiomas (inglês e espanhol).

De acordo com a consultora de Desenvolvimento Cultural do Instituto de Assessoria para o Desenvolvimento Humano (IADH) e do programa Bombando Cidadania, Karina Zapata, foi a primeira vez que um secretário de Turismo do Recife visitou a comunidade. “O turismo de base comunitária é uma forma de inclusão social e econômica, fortalecendo as comunidades e valorizando nossa cultura. É uma forma da população local ter participação direta na atividade turística de seu território, compartilhando experiências”, comenta Carreras.

Tanto a qualificação de idiomas quanto a implantação do CAT na Bomba do Hemetério estão previstas para o primeiro semestre de 2014, visando a Copa do Mundo. Já a construção do Centro Cultural, para os ensaios dos grupos de dança, agremiações e demais atividades, deve acontecer até o fim de 2014. Além da Bomba do Hemetério, a Secretaria de Turismo e Lazer tem ações que também serão implantadas em Brasília Teimosa e Alto José do Pinho.

Copa do Mundo

Não apenas nas comunidades, a Secretaria de Turismo e Lazer também vem realizando ações visando a qualificação dos agentes do setor. O foco agora é a capacitação para melhorar o atendimento aos turistas que vão visitar a cidade durante a Copa do Mundo de 2014. Estão em andamento diversos cursos para qualificação profissional da cadeia produtiva do turismo.

Em paralelo, já estão em andamento os serviços de confecção e instalação de 500 novas placas de sinalização turística do Recife, nos bairros de São José, Santo Antônio, Boa Vista, Recife Antigo, Graças, Casa Forte, Jaqueira, Casa Amarela, Boa Viagem, Imbiribeira, Pina e arredores dos referidos bairros. Os Centros de Atendimento ao Turista (CATs) também estão passando por requalificação. “Para melhorar a qualidade do atendimento ao turista, vamos realizar uma seleção de profissionais para contratação de atendentes bilíngues, reforçando o quadro de recepcionistas e ampliando as possibilidades de extensão de horário de funcionamento”, explica o secretário.

E por falar em Copa do Mundo, além da divulgação do destino Recife em feiras e eventos nacionais e internacionais para atração de mais turistas, a Secretaria de Turismo e Lazer realizou, durante os jogos da Copa das Confederações, uma ação em Fortaleza e Salvador, que também sediaram os jogos da competição e vão sediar os da Copa do Mundo da Fifa.

O projeto intitulado “Recife Frevo e Bola no Pé” levou um pouco da cultura local às duas cidades. Envelopado com imagens e potenciais turísticos da cidade, os ônibus chamaram a atenção da população local e turistas. Os dois veículos percorreram mais de 3,5 mil quilômetros na BR-101 Norte e Sul. Ao todo, foram 12 dias de ação direta. “Como Salvador e Fortaleza são cidades próximas, nossa intenção foi atrair a população e também os turistas que virão assistir aos jogos da Copa do Mundo no Nordeste”, afirma o secretário de Turismo e Lazer, Felipe Carreras.

Inédita, a ação levou uma seleção com muitos profissionais. Foram escolados integrantes de orquestra de frevo, passistas, bonecos gigantes, caboclinhos, caboclo de lança, chefe de cozinha com degustação, apresentador, fotógrafo com ação nas redes sociais. A ação contou com fantasias carnavalescas, figurinos esportivos, diário de bordo para imprensa e redes sociais on-line, distribuição de folhetos e tabela de jogos da Arena Recife, como também TVs de Led para apresentação de vídeos institucionais.

Eu amo minha rua

E o São João encerrou o primeiro semestre com mais uma ação inovadora. A Secretaria de Turismo e Lazer, em parceria com a Fundação de Cultura, promoveu o primeiro concurso cultural “Eu amo minha rua”, para premiar a melhor decoração junina das ruas do Recife. Foram 72 ruas inscritas, e um total de 71.129 votos apurados através de votação popular por urnas eletrônicas e o hotsite do concurso.

Das seis finalistas, a vencedora foi a rua José Austregésilo, no Arruda, que celebrou a noite de São Pedro, com um grande prêmio: um arraial, com estrutura de palco, som e iluminação, com um show de Cezzinha. “Estamos comemorando a participação de tantas ruas no concurso cultural. O São João é uma festa na qual a população se envolve bastante e queremos incentivar ainda mais nossas manifestações culturais. No fim do ano, no Natal, teremos uma nova edição do concurso”, comenta Carreras.

Da Assessoria



ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Saturday, April 19, 2014